Estamos no Facebook: clica em GOSTO e junta-te a nós

19/11/2010 Barco-hotel em construção na Navalria tem ocupação vendida para cinco anos


O barco hotel da em empresa Douro Azul, em construção nos estaleiros da Navalria, tem ocupação vendida para os primeiros cinco anos de actividade. Segundo noticia hoje o DE, a empresa já garantiu a ocupação por cinco anos do navio-hotel que estará a funcionar em Abril próximo. O “Douro Spirit” vai navegar ao sabor do aumento de turistas no Douro, em especial orientado para um segmento alto de clientes. Um acordo com um operador turístico alemão poderá precipitar o processo de construção de um novo navio-hotel para o percurso do Rio Douro.

Fonte: Terra Nova

17/11/2010 Duas dezenas de viaturas vandalizadas para furtos na praia da Barra



Desconhecidos ´limparam´ mais de uma dezena de viaturas estacionadas na via pública na praia da Barra, Ílhavo, deixando um rasto de danos.


A “onda” de furtos do interior de viaturas que ´varreu´ as praias da Barra e Costa Nova, em Ílhavo, durante a madrugada.

Os larápios, em número desconhecido, já que “ninguém viu nada”, foram rápidos a consumar os actos de vandalismo e, estranhamente, selectivos, visando marcas ditas de gama média / alta com registo para algumas marcas Mercedes e Audi.

A meio da tarde, estavam contabilizadas 15 queixas de outros tantos proprietários lesados, na maioria da praia da Barra, número que se admitia poder ainda vir a subir.
Num período curto de tempo, admite-se entre a 2:00 e as 4:00 da manhã, os indivíduos percorreram algumas das ruas e avenidas da pacata zona residencial em busca, preferencialmente, de viaturas de alta cilindrada estacionadas na via pública.

Escolhidos os alvos, usaram marreta ou paralelo para partir vidros de forma a aceder ao interior dos carros. Depois deitaram a mão a tudo que pudesse ser de valor e facilmente trocado por algum dinheiro vivo em receptadores, mas sem perder tempo a retirar auto-rádios.

O dono de um café junto ao farol terá sido o primeiro a aperceber-se do furto na sua viatura, um Porsche, quando se preparava para regressar a casa, cerca das 3:30.

O vidro da frente, no lado do passageiro, fora quebrado, desaparecendo a carteira de documentos, um computador portátil e os óculos de sol. “O alarme tocou mas chovia tanto que não se ouvia nada”, contou.

De manhã, militares da GNR compareceram à porta do empresário para restituir os documentos  que tinham sido encontrados por populares na Barra. “Já não se perdeu tudo”.

A cena repetiu-se , com sucessivos alertas para o posto da Gafanha da Nazaré, dando conta da existência de mais carteiras, cartões multibanco e outros documentos que iam sendo apanhadas, entre outros locais, nas avenidas Fernando Lavoura e João Corte Real.

À saída de casa, na maioria a caminho dos empregos,  os proprietários eram surpreendidos com os seus automóveis vandalizados e compreenderam rapidamente o motivo ao dar com a falta de equipamentos (sobretudo pequena informática, recarregadores mas também um GPS) e outros artigos de algum valor (óculos, telemóveis) que estavam guardados no interior.

A guarda inclina-se a atribuir a autoria dos furtos a um grupo “de fora” que, aproveitando os bons acessos (A25), decidiu “fazer uma incursão” à praia, sabendo de antemão tratar-se de uma zona pacata, ainda para mais a meio da semana e em pleno Inverno.

A Barra conheceu um episódio “muito semelhante” há três anos, quando duas dezenas de viaturas foram objecto de furtos. Os autores, oriundos do Norte do País, seriam identificados e levados a tribunal.

A “onda” de furtos da madrugada não terá relação com outro tipo de criminalidade que tem assolado com maior incidência a zona de Ílhavo. Furtos e mesmo roubos de estabelecimentos comerciais e de restauração.

Fonte: Notícias de Aveiro

18/11/2010 Gafanha da Nazaré: Cantinho do Céu faz “da esmola caridade”

Este grupo independente presta auxílio há dez anos a mais de 30 famílias carenciadas. Agora apelam a mais ajuda para a época do Natal.

Testemunhos de famílias carenciadas há muitos, mas pessoas com desejo de ajudar são poucas, insuficientes na maior parte dos casos. Para todos aqueles que não acreditam na boa vontade, o Cantinho do Céu impõe-se como a excepção que confirma a regra.
Surgido da necessidade de ajudar a “contribuir para uma sociedade melhor”, o Cantinho do Céu integra um grupo de dez pessoas que, sem qualquer subvenção por parte do Estado e sem pertencer a qualquer instituição que possa distorcer o seu objectivo, disponibilizam “um bocado” do seu tempo livre e do seu dinheiro para “tirar da miséria” 30 famílias carenciadas da Gafanha de Nazaré.
É o caso de Isabel e Margarida (nomes fictícios), mulheres, mães e esposas, que o Diário de Aveiro teve oportunidade de conhecer, testemunhando os pormenores da sua difícil e injusta vida. Apesar de sentirem vergonha pela sua situação actual e de não quererem ser identificadas por isso, não deixam de merecer admiração, pois lutam, dia-a-dia, com a doença e o desemprego, motivos que as levou a pedir “protecção” ao Cantinho do Céu.
Para atingir o seu objectivo, este grupo de voluntários impõe uma lógica de trabalho que consiste na recolha de alimentos, roupa e mobílias em forma de doações. “Da esmola fazemos a caridade”, assinalam, acrescentando que aceitam “tudo o que não faça falta às pessoas”.
(Ler artigo completo na edição em papel)

Rebeca Plaza
Fonte: Diário de Aveiro

18/11/2010 Exposição sobre diabetes patente na Escola Secundária da Gafanha da Nazaré


A Escola Secundária da Gafanha da Nazaré tem patente uma exposição sobre a diabetes.
A mostra é da responsabilidade da Associação de Diabéticos do Distrito de Aveiro e integra-se nas comemorações do Dia Mundial da Diabetes e no projecto de educação levado a cabo pela associação com várias escolas.
Os alunos do Agrupamento de Escolas de Ílhavo envolveram-se na iniciativa e criaram 40 telas com motivos relacionados com a diabetes e um livro gigante relacionado, também, com aquela doença.

Fonte: Terra Nova

CRÓNICA DE EQUIPA NA JORNADA DE SUB16 FEMININOS


.
SUB16 FEMININOS (Cto. Distrital Gr. Nacional - 2ª Jor.):
Gafanha Pizzaria Brasão, 69 – AD Sanjoanense, 44
SUB16 FEMININOS (Cto. Distrital Gr. Nacional - 3ª Jor.):
CP Esgueira, 49 - Gafanha Pizzaria Brasão, 65
.
No fim-de-semana passado as Sub16 femininas tiveram dois jogos que eram importantes ganhar tendo em conta os objectivos da equipa.
No sábado, no jogo contra Sanjoanense, era fundamental dar uma resposta positiva depois de na 1ª jornada termos perdido ante o Sangalhos e por isso ganhamos 69-44. Apesar de não poder ainda contribuir dentro de campo, observei algumas falhas na defesa, principalmente no 1x1 e nas ajudas, mas ofensivamente a equipa esteve melhor, criando algumas várias situações de cesto.
No domingo jogámos novamente, desta vez fora, em Esgueira. Este jogo foi equilibrado, mais disputado, mas mesmo assim saímos vitoriosos com o resultado de 49 – 65. Continuamos, no entanto, a ter as mesmas dificuldades a nível da defesa no 1x1 (que teremos que treinar mais), mas falhamos também na parte dos ressaltos. A nível ofensivo não tivemos tão bem como no dia anterior mas criamos várias situações fáceis de lançamento.
Apesar destas duas vitórias temos que continuar a trabalhar procurando ser melhor a cada dia que passa.
.
Por: Andreia Branco, atleta Sub-16

Fonte: GDG Basquetebol

A trabalhar o convés...


Os trabalhos no convés já tinham iniciado na semana anterior com a pintura da parte interior com resina epoxi...Agora foi a vez de o aplicar... com resina epoxi, alguma paciência e 180 tachas de latão, todas simetricamente aplicadas na tentativa de disfarçar o inevitável...a "cabeçorra" daquelas tachas de latão...e ainda por cima não são nada baratinhas...
Aqui seguem algumas fotografias do trabalho realizado ontem...com o meu pai a dar os últimos retoques na ligação entre as partes do convés...
Fonte: Barcos & Companhia

XXXV Torneio de Rapidas da AXGE


Integrado no Circuito AXGE de Portas Abertas 2010, disputou-se na passada terça-feira dia 9 de Novembro, na Sala da Fonte na Gafanha da Encarnação a 35ª edição do nosso torneio de rápidas que contou com a presença de 4 atletas.

A prova jogou-se no sistema de todos contra todos a 2 voltas e teve como vencedor o favorito neste tipo de prova, Cristiano Tieres.
Lembro que durante o ano de 2010 o Cristiano venceu 7 das 8 provas em que participou, tendo apenas sido 2º em Julho cujo vencedor foi José Guimarães um jogador tambem forte neste tipo de prova, mas que nesta prova não foi além do terceiro lugar.
Uwe Kahler foi segundo espreitando até ao final a chance de vencer.
O regressado Ricardo Alvarez não foi além do 4º posto, denontando falta de ritmo em provas tão rápidas.

A classificação final foi a seguinte:

1. Cristiano Tieres ... 4,5
2. Uwe Kahler ......... 3,5
3. José Guimarães ..... 2,5
4. Ricardo Alvarez .... 1,5

No Circuito de 2010 e a uma prova do final a classificação está assim:

1. José Guimarães ..... 125
2. Cristiano Tieres ... 118
3. Nidia Ribau ........ 96
4. Nelson Ribau ....... 76
5. Uwe kahler ......... 64
6. Jose Marques ....... 38
7. Ana Ferreira ....... 11
8. Fábio Paixão ....... 11
9. Ricardo Alvarez .... 10
10. Silvia Rodrigues .. 8
11. Milena Marques .... 7

A próxima prova ultima de 2010 será realizada no dia 14 de Dezembro de 2010 pelas 21.00 hrs na sala da fonte na Gafanha da Encarnação.

Fonte: Academia de Xadrez da Gafanha da Encarnação

16/11/2010 Secção de basquetebol do GD Gafanha em risco de fechar

 
 
A secção de basquetebol do Grupo Desportivo da Gafanha está em risco de fechar. O projecto pode não ter viabilidade financeira a curto prazo já que o recente corte de apoio financeiro por parte da Câmara de Ílhavo coloca em risco, na perspectiva dos actuais dirigentes,aquele projecto desportivo. Mais de 200 atletas praticam basquetebol no Gafanha e o corte de 35% no apoio financeiro da Câmara pode ser determinante para o futuro desta secção autónoma do clube.
João Paulo Teotónio, director demissionário, lamenta que a Câmara de Ílhavo tenha decidido diminuir o apoio financeiro ao clube, tendo sido a única associação do concelho a sofrer aquele tipo de corte: “Esta direcção entrou há três anos e meio com 50 mil euros de dívidas. No final da época passada, em Junho, não tínhamos qualquer dívida. Conseguimos liquidar a dívida com a ajuda dos pais, o crescimento em número de atletas, parcerias com empresas, aumento do corpo técnico, amigos do basquetebol e toda uma série de actividades que desenvolvemos. Agora, a Câmara Municipal de Ílhavo decidiu fazer um corte no nosso protocolo em cerca de 35%. Não entendemos porque nenhuma das outras associações sofreu cortes. A direcção do clube não só não ajuda, como permanentemente nos cria entraves em termos de custos. Vamos perder todo o trabalho e não podemos ficar com o argumento de que se não podemos ter 200 miúdos, temos 100. Este foi o argumento usado por uma das pessoas importantes da autarquia”.
Direcção da secção de basquetebol do Gafanha lamenta atitudes recentes da Câmara Municipal e da direcção do próprio clube.

Fonte: Terra Nova

16/11/2010 Levantada interdição à apanha de todas as espécies de bivalves


O Capitão de Fragata e Capitão do Porto de Aveiro, Gil Coelho, informa que foi levantada a interdição à apanha de todas as espécies de bivalves, provenientes das zonas de produção da Ria de Aveiro. A interdição foi levantada devido aos resultados negativos nas análises de biotoxinas DSP em amostras de bivalves.

Fonte: Terra Nova

Jornal Timoneiro - mês de Novembro/2010


Paróquia
» Fátima Ribau: a mais antiga catequista da Gafanha da Nazaré em actividade
» O Crisma é um marco, não uma meta
» Reflexão: É hora de voltar à casa do Pai!

Ruas e Avenidas
» Rua 1º de Maio: Homenagem legítima ao trabalhador

Centenário
» Armando Ferraz: O último fantocheiro
» CMI abriu concurso para bar no Jardim Oudinot

Santuário
» Trabalho indispensável para o conhecimento da entrada de Schoenstatt em Portugal: O Padre Miguel foi com a sua familia, um dos grandes obreiros da entrada do Movimento de Schoenstatt em Portugal

Destaque
» Fundação Prior Sardo atribuiu troféus aos melhores do ano
» Rotary Clube de Ílhavo distinguiu Rui Costa e Sousa
» Música e dança no Centro Cultural

Ecos do Lar
» Celebração do 13 de Outubro no Centro de Recursos Mãe do Redentor

A nossa terra
» Filarmónica Gafanhense celebrou 174 anos de existência: "Música Velha tem futuro assegurado"
» Formandos em informática receberam certificados

Na rua
» De que gosta mais na Gafanha da Nazaré? - O Timoneiro saiu à rua para saber, ainda em ano de centenário, de que gostam mais os habitantes da Gafanha da Nazaré na sua própria terra

Movimento
» Baptismos, Casamentos e Óbitos na Paróquia da Gafanha da Nazaré

Diocese
» A Igreja diocesana orante é lugar de esperança
» Santuário de Schoenstatt acolheu jornada nacional de dirigentes

Clientes ou utentes?
» P.e Francisco Melo


ENCONTRO OFICIAL DE MINIS 10 REALIZADO NA GAFANHA

.
Neste Domingo, dia 14 de Novembro de 2010, das 10h30 às 12h00, decorreu no Pavilhão Desportivo da Gafanha da Nazaré a 3ª Jornada da 1ª Fase dos Encontros de Minis 10 Mistos da Associação de Basquetebol de Aveiro, com a participação das equipas do Gafanha O Braseiro "A", Gafanha O Braseiro "B", CP Esgueira, UD Oliveirense, Enesse e GRI Brandoense.
.
Queremos agradecer a participação e pontualidade de todas as equipas, assim como a colaboração de pais de atletas no atendimento às pessoas e dos atletas iniciados Joel, Camilo, Miguel e Mana na arbitragem dos jogos. Obrigado.

Fonte: GDG Basquetebol

Retiro de Advento 2010

A Pastoral do Santuário convida para a participação no Retiro de Advento, dia 1 de Dezembro 2010. Uma forma de iniciar a preparação desta época em que somos chamados a receber Jesus nos nossos corações.
 

O programa inclui duas reflexões temáticas sob o tema “Jesus Vem! Reza e acolhe.”, momentos de oração pessoal e comunitária com exposição do Santíssimo Sacramento e ainda a possibilidade de celebrar o Sacramento da Reconciliação.

Terá início às 9h00 na Casa de Retiros José Engling e termina com a celebração da Santa Missa às, 17 horas, no Salão em frente ao Santuário de Schoenstatt. O preço é de €10,00 com almoço incluído.

Inscrições até ao dia 28 de Novembro para:

Santuário de Schoenstatt
Apartado 14
3834-908 Gafanha da Nazaré
Tel. 234 320 290

ou através do e-mail: centrotabor@mail.telepac.pt
Pastoral do Santuário
 

GDG 3 - Travassô 2

Custou, mas foi. Os Juvenis do Gafanha sofreram a bom sofrer para levar de vencida a formação do Travassô e somar a sua quarta vitória no Campeonato Distrital. Num jogo em que a nossa equipa esteve uns furos abaixo daquilo que pode e deve fazer, há também que dar muito mérito ao adversário, que nos complicou a tarefa e nos causou bastantes dificuldades ao longo dos 50 minutos.

Quem se deslocou ao Pavilhão do Liceu assistiu a uma partida equilibrada na maior parte do tempo e em que os golos foram bastante consentidos de parte a parte. O GDG, tal como na recepção ao CRECUS, marcou cedo e colocou-se em vantagem, só que, tal como há duas semanas, voltou a permitir que o adversário desse a volta ao texto. Assistiu-se então ao melhor período do Travassô, que estava por cima no jogo. No entanto, um golo do Gafanha antes do intervalo levou tudo igualado para os balneários.

Na etapa complementar, o Travassô voltou a ameaçar a nossa baliza com perigo, mas o golo que conseguimos na resposta e a vantagem readquirida deram outra confiança às nossas hostes. O Gafanha concedeu então o domínio ao adversário e passou a gerir o jogo de outra forma, conseguindo guardar a vantagem sem grandes sobressaltos e acabando por fazer uma segunda parte globalmente superior à primeira.

Nos últimos 7 minutos, o Travassô ainda arriscou jogar com GR avançado, mas nesse período soubemos anular bem as intenções contrárias e até foram nossas as melhores ocasiões de golo. E está contada a história de uma vitória muito suada e de um jogo que certamente nos fez crescer.

O campeonato tem agora uma paragem de um fim-de-semana e volta dentro de duas semanas. Domingo, dia 28 de Novembro, o Gafanha visita Telhadela para jogar no novíssimo Pavilhão Gimnodesportivo da freguesia de Ribeira de Fráguas.

FICHA DE JOGO

A.F. Aveiro - CD Juvenis, Zona Sul (4.ª Jornada)
Pavilhão da Escola Secundária - Gafanha da Nazaré
14 de Novembro de 2010

GDG 3 x Travassô 2

GDG: Tiago Vidreiro [GR]; Miguel Rei, Fera (C), Gonçalo, Daniel Castillo
JOGARAM AINDA: Tiago Costa [GR]; André, Nelo, Nuno Mónica
NÃO UTILIZADOS: Samuka, Mica

MARCADOR:
[04'] 1-0 Gonçalo (Gafanha)
[07'] 1-1 Flávio Santos (Travassô)
[20'] 1-2 Ivo Marques (Travassô)
[22'] 2-2 Nuno Mónica (Gafanha)
INTERVALO
[29'] 3-2 Fera (Gafanha)

Fonte: GDG Futsal Juvenis

Um Domingo no Cais

Esta é uma das poucas alturas que vale mesmo a pena passar no cais dos bacalhoeiros na Gafanha da Nazaré.

A quantidade de navios atracados no porto faz esquecer por momentos a crise que se instalou há já bastante tempo na pesca, a tal desmaritimização que Luis Miguel Correia tanto refere no seu blog, que de uma forma mais generalizada, resume todo este problema numa só palavra. Não é só a perda de frota e de capacidade técnica, mas sim o virar costas a algo que nos podia ter dado mais. O Mar, ao contrário do que se possa pensar, não é nem vai ser a solução, mas é uma ajuda bastante grande, e é algo que sempre esteve bem presente na nossa cultura.

O tão importante "talent de bien faire" esteve e ainda está bem presente por esse país fora, tendo sido graças a esta filosofia que, por exemplo, alguns dos nossos estaleiros sempre foram bem reconhecidos por esse mundo fora!

Deixemos de ver Portugal como um país na cauda da Europa. Passemos a ver Portugal como um país no centro do mundo, um pais que liga dois continentes, uma das entradas para a velha Europa.

Passemos então as fotografias para alegrar o espírito.
 

Por ordem podemos ver os lugres "Argus", "Santa Maria Manuela", o arrastão da Pascoal o "Pascoal Atlântico", o "Lutador", e da esquerda para a direita, "Praia da Ericeira", "Murtosa" e "S. Rafael".



E continuando a demanda, os três já referidos, o "Brites" que chegou há dias, "Aveirense", "Praia de Santa Cruz" e "Joana Princesa".

Espero que tenham gostado e até à próxima!

I Divisão Distrital de Futebol (AFA) – 10ª Jornada


Grupo Desportivo da Gafanha - I Divisão Distrital de Futebol (AFA)

Resultados 10 ª Jornada

G.D.S.ROQUE1 - 1A.D.VALECAMBRENSE
C.D.ESTARREJA3 - 1A.D.C.R.OIA
U.D.MOURISQUENSE0 - 1R.D.AGUEDA
G.D.GAFANHA3 - 1S.C.PAIVENSE
J.A.PESSEGUEIRENSE0 - 4G.D.MEALHADA
S.C.FERMENTELOS2 - 1A.C.CUCUJAES



Tabela classificativa em 14/11/2010
 
1º  C.D.ESTARREJA1073018624
2º  A.D.VALECAMBRENSE1072118923
3º  A.D.SANJOANENSE971119722
4º  J.D.CARREGOSENSE953117718
5º  R.D.AGUEDA10604141118
6º  G.D.GAFANHA10523171017
7º  C.D.PACOS BRANDAO952210517
8º  G.D.S.ROQUE1043312815
9º  G.D.MEALHADA10415141413
10º  U.D.MOURISQUENSE10334131312
11º  C.F.U.LAMAS9324121011
12º  G.D.MILHEIROENSE92439910
13º  A.C.CUCUJAES1031661710
14º  A.D.C.R.OIA1030716209
15º  S.C.PAIVENSE102267158
16º  S.C.FERMENTELOS102266168
17º  A.D.OVARENSE FUTEBOL92078246
18º  J.A.PESSEGUEIRENSE101186214



Próxima Jornada:
21/11/2010 15h00
G.D.MILHEIROENSE - G.D. GAFANHAFonte: AF Aveiro

14/11/2010 I Divisão da AFA: GD Gafanha melhor que Paivense, (3-1)

 
O GD Gafanha derrotou esta tarde no Complexo Desportivo da Gafanha o Paivense, (3-1) em jogo da I Divisão da AFA.
Renato aos 22´, Dani aos 68´ e Paulo Fernandes aos 78´ marcaram os golos dos gafanhenses. Luís Roque reduziu para o Paivense aos 88´.

Fonte: Terra Nova

Indumentaria da Mulher da Gafanha 4

A SAIA (Continuação)
Com tanta abundância desta matéria prima, e também porque era moda, a saia de fraldilha tinha de ser, como foi, a primeira conhecida na Gafanha. Era simples, com pregas, tendo ourelo na orla. Era rodeada com quatro a cinco varas de fraldilha e sem enfeite algum (1).
Note-se que todos os tipos de saia de que vamos falar, e bem assim os dos outros vestidos, eram usados tanto pelas pessoas adultas como pelas donzelas.
Passou-se algum tempo, e a esta simples saia aplicou-se exteriormente pela orla uma larga forra de baeta, com pequeno debruamento para a parte interna. Esta forra só se usava nas saias de luxo. Veio depois a saia de paninho preto, ainda mais rodada e com fita ou forra larga de veludo, também a debruar para dentro. Após esta começou a usar-se a saia de olho de azeite, de chita azul escura, planetada de flores cor de azeite e com quinze panos de roda. Costurados uns aos outros chegariam para um pano de barco moliceiro! Em 1907 ainda existia uma na Encarnação, que foi desmanchada, fazendo-se com ela três saias que certamente não deviam ser... travadinhas! A fita ou liga da orla era de lã e pregada de chapa, isto é, sem debruamento.
(1) Tinha quatro a cinco varas de roda ou de circunferência pela orla e descia da cintura até próximo do tornozelo. Em cada vara gastava-se um arrátel de lã, de modo que se gastavam quatro a cinco arráteis de lã em cada saia, não incluindo o cabeção da saia, que era a parte superior dela, e que no seu arranjo ficava em sentido horizontal à parte inferior, que por sua vez ficava em posição perpendicular no sentido da teia.

Peixeira da Costa Nova


In "Monografia da Gafanha" do Padre João Vieira Rezende.
(Continua)
Boas leituras
Até breve

13/11/2010 Teatro infantil, amanhã, no Centro Cultural da Gafaha da Nazaré

 
O Centro Cultural da Gafanha da Nazaré apresenta a peça de teatro “O Abecedário Mágico”.
O espectáculo musical infantil conta a história de Zeca, um menino que não está muito entusiasmado com a perspectiva de aprender o abecedário na escola. Para ele, as letras não fazem falta, já que consegue falar sem conhecer nenhuma. Ao adormecer numa das aulas, o Zeca é acordado por um ser misterioso, o Azim, que, sem ele dar por isso, lhe vai mostrar como pode ser divertido aprender o abecedário.
O espectáculo está marcado para amanhã, a partir das 16 horas, no Centro Cultural da Gafanha da Nazaré.

Fonte: Terra Nova

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores